“Cristina”, “Cristina N°2” e “Canção para Cristina”

O primeiro álbum de Tim (“Tim Maia”, de 1970) tem 2 versões para a mesma música: “Cristina”“Cristina
N°2”
. A primeira é um pouco mais cadenciada e a segunda mais rápida.

Cristina, por quem Tim era apaixonado, era empregada da sua amiga Maria Gladys, atriz e dançarina do programa de TV do Carlos Imperial (Clube do Rock).
Aliás, Imperial divide a autoria da composição dessa música.

Maria Gladys, elo de Tim e Cristina

Maria Gladys, elo de Tim e Cristina

1970“Tim Maia”“Cristina”

1970“Tim Maia”“Cristina N°2”

Em 1979, em seu disco “Reencontro”, ele voltou a homenagear explicitamente Cristina, na música “Canção para Cristina”. Mas essa já não é a mesma Cristina. Provavelmente, trata-se de Cristina Conrado, mulher de Tibério Gaspar, a música é de sua autoria.

 

1979“Reencontro”“Canção para Cristina”

Letras:

“Cristina” e
“Cristina N°2”

Vou-me embora agora pra longe
Meu caminho é ida sem volta
Uma estrela amiga me guia
Minha asa presa se solta, eu

Vou ver Cristina,
vou ver Cristina,
vou ver Cristina

E por onde vou, vou deixando
Marcas do meu peito sangrando
Vou cobrir as flores da estrada
De um vermelho amor, madrugada, eu

Preciso ver Cristina,
minha menina
Preciso ver Cristina,
minha menina
Preciso vê-la,
Cristina minha menina

“Canção para Cristina”

Cristina,
Às vezes eu te chamo Cris
Um sonho que eu mesmo fiz
Um tempo que vai começar

Cristina,
Menina que me aconteceu
Um anjo que me devolveu
A vontade de amar
A vontade de amar (vem vem vem vem)

Eu sei que é difícil se dar por amor novamente
Depois que se sente a dor pelo amor que se foi

Cristina,
Escuta o coração que diz
A gente pode ser feliz
A gente deve se ajudar

Cristina,
Levarei por onde for
A marca desse nosso amor
Nas canções que eu cantar
Nas canções que eu cantar

Eu sei que é difícil se dar por amor novamente
Depois que se sente a dor pelo amor que se foi

Cristina,
Escuta o coração que diz
A gente pode ser feliz
A gente deve se ajudar

Cristina,
Levarei por onde for
A marca desse nosso amor
Nas canções que eu cantar
Nas canções que eu cantar…

Enquete:

Downloads:
1970 – Álbum: “Tim Maia”;
1979 – Álbum: “Reencontro”.

Outras versões:

1995 – Kid Abelha

2010 – Seu Jorge and Almaz

A família do Carlos Imperial resolveu regravar, quem conseguir aguentar…:
Família Imperial

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s